Ensinamentos da Umbanda

NÃO É COM GANHO MATERIAL QUE SE MEDE SE A VIDA ESTÁ MELHORANDO

” O umbandista cultua o espírito e nele procura desenvolver valores elevados para uma vida equilibrada. A paz, a paciência, o amor, a humildade, a simplicidade, a fé, a conduta correta, entre outros, são cultivados a fim de que nossa alma possa se aproximar cada dia mais dos Orixás e de Olorum.

Há tantos, entretanto, que exercem as diversas práticas umbandísticas na expectativa de observar suas rendas materiais crescerem. Embora nossa religião ajude na abertura e fortalecimento de caminhos, não é este seu objetivo principal.

Não é ganhando dinheiro que você confirma se a Umbanda está te fazendo bem ou não. Os guias se manifestam para cuidarem de nosso espírito, e não nos enriquecerem. Se você aprendeu a ser mais paciente, tolerante, amoroso, humildade o terreiro cumpriu o seu papel.

Lembre-se de que a matéria é passageira, e o espírito imortal. Nada de material levaremos após o desencarne, somente os tesouros da alma. E esta é a intenção maior das entidades. A Umbanda é uma religião, isto é, ela promove a nossa religação com Deus.

Os problemas materiais são realmente importantes. Não digo para serem ignorados. Porém, pergunte-se: por qual motivo você frequenta as giras? Está apenas em busca de uma solução mágica para suas dificuldades financeiras?

O umbandista não está isento de passar por situações desfavoráveis. Ele não possui superpoderes. Como qualquer outra pessoa, pode perder o emprego, ficar doente, encerrar um longo relacionamento. Não existe magia ou firmeza capaz de nos tornar imune a essas experiências, porque eles fazem parte das lições da vida. Esta é a lei.

Nascemos neste planeta para evoluir. Embora não necessariamente precisamos sofrer para isso, quando insistimos no erro a vida balança nossa realidade. E a melhor maneira de superar estas adversidades é compreender o que este desafio deseja lhe ensinar. Dessa maneira, a dor será desnecessária.

Saiba, tudo é energia. Quando mergulhamos nossa consciência na negatividade, os problemas somente se multiplicam. A abertura de caminhos realizada pelas entidades nada mais é do que uma atividade no campo das vibrações. Se almeja a prosperidade material, dedique-se, antes de tudo, à riqueza espiritual. E todas as outras coisas lhe serão acrescentadas.”

Umbanda com Simplicidade

Entrega do barco

Boa tarde!🌻

Hoje, dia 26 às 19h estaremos fazendo a firmação do barco de acordo com os preceitos da Casa. A sessão é aberta ao público! E quem desejar fazer o ritual para entregar no barco, pode adquirir na secretária, no valor de R$30,00.

Para irmos todos juntos, a Casa disponibiliza um ônibus alugado que sairá amanhã dia 27/12 às 18h direto a praia da Urca, no valor de R$20,00 por pessoa. Ou podemos nos encontrar direto. Fica a critério de cada um!

Contamos com a presença de vocês para a entrega do barco à mamãe Iemanjá. 🌊🧜🏻‍♀️

Fotos do Natal do Pai Geraldo 2019

No último sábado foi realizado mais um ano de alegria, sorrisos e felicidade para a criançada! Foram mais de 150 crianças apadrinhadas e muitas outras crianças também recebendo brinquedos e carinho. E também as cestas básicas que foram dadas para as famílias carentes, fazendo o natal delas serem fortalecido de esperança, união e amor ao próximo. Agradecemos a todos que nos ajudaram tanto para o Natal do Pai Geraldo se realizar mais um ano.

Muito obrigada!🙏❤

A Sintonia

Bom dia!🌻

Hoje o texto é sobre a importância dos cuidados que devemos ter com os nossos pensamentos e ações. Orai e vigiai sempre!

“Tomar cuidado com as Irritações, discussões, palavrões tudo isso é um forte imã de atração para espíritos inferiores e obsessores.

Os maus espíritos adoram pessoas de vontade fraca, com pensamentos negativos, que se irritam com facilidade e vivem sempre discutindo, essas pessoas são um alvo fácil para as falanges de espíritos perturbados e obsessores que estão aos milhões na crosta terrena e na atmosfera do planeta.

Precisamos criar um ambiente de paz e harmonia em nossas casas para podermos afastar as influencias espirituais negativas.

Os nossos pensamentos criam Correntes fluídicas entre o plano material e o plano espiritual e é nessas correntes fluídicas que os espíritos desencarnados se aproximam dos encarnados.

Eles vêm pela sintonia mental

Evite sempre os palavrões, e as discussões e confusões tudo isso cria um ambiente de derrota e perturbações.

Os espiritos elevados não podem se aproximar de uma pessoa com pensamentos ruins e impuros e de conduta moral baixa temos que nos melhorar nos pensamentos e nas atitudes para podermos atrair os Espiritos Luminosos dos planos superiores.

O que você pensa, fala e faz vai gerar um campo vibratório positivo ou negativo.” Tudo depende de nossas atitudes!

Wilson Moreno

Apadrinhe uma criança

Bom dia pra todos!

Ainda dá tempo para apadrinhar uma criança ou doar um quilo de alimento não perecível ou uma cesta básica! Participe e faça o Natal de uma família mais feliz. ❤

Embreve serão divulgadas as fotos das festas de Iansã e Oxum.

Uma ótima semana a todos! E sexta-feira teremos sessão de Caboclos.🌻

Salve Nossa senhora da Conceição! Salve mamãe Oxum!


Oxum, senhora das águas e protetora da maternidade é sincretizada, no catolicismo, com Nossa Senhora da Conceição, ambas homenageadas no dia de hoje, 8 de Dezembro.

Que mamãe Oxum cubra sobre nós seu manto de muito amor e carinho. Que sua candura esteja sempre em nossos corações!

E hoje é dia de festa!

• Às 17h sessão das crianças, com passe dos amados pretos velhos.

• Ás 18h Festa de Oxum, com passe dos caboclos.

Venham e sintam essa linda energia do dia de hoje!

“Eu vi uma enorme Estrela,
Neste Congá,
Era uma estrela azul,
Era o manto sagrado,
Oi saravá bendito,
De Mamãe Oxum”

Ora ieieu mamãe Oxum

Hoje é Dia de Santa Bárbara, Iansã na Umbanda!

Hoje é o dia de festejar nossa Guerreira Iansã!

A Iabá que nos ajuda a vencer as batalhas mais duras e não nos deixa desanimar!
17h – Sessão de Crianças (com passes para as crianças)
19h – Festa de Iansã (com passes para adultos)

Na Umbanda, Santa Bárbara é representada pelo Orixá Iansã. Ela é uma guerreira poderosa, é a Deusa da espada e do fogo, senhora dos ventos, tempestades, trovões, raios, ciclones, furacões, vendavais, e também dos espíritos desencarnados.

Santa guerreira que ao meu lado caminha
Com sua taça de ouro e sua espada na mão
Você és para mim toda riqueza, venero sua beleza
Guardo-a em meu coração,
A sua saia quando roda irradia
És dona da Ventania é a Rainha Trovão com meu Pai Xangô
Iansã faz a morada, ela roda sua saia quando Ogum toca Alvorada
Eparrei parrei Oyá
Saravá mãe Iansã ela é rainha

Ela é orixá”

Fotos do encerramento da Escolinha do Pai Geraldo 2019

No último sábado, dia 23 encerramos nossas atividades da Escolinha esse ano e fizemos uma linda festa para as nossas crianças repleta de brincadeiras, apresentações dos meninos do atabaque e da Moana. Com muita alegria, amor e diversão!

Conheça a história da Moana, associada a nossa Cabocla Jurema.

Moana

Moana é uma adolescente que vive com sua família em uma ilha de Motu Nui, na Polinésia. Desde pequena se sentia atraída pelo mar e com isso, surge nela um grande desejo de navegar além dos recifes e descobrir o que a esperava por lá, porém, seu pai, o líder da tribo, a proibiu de qualquer viagem além do recife, dizendo a ela que o lugar mais seguro era ali, além de que ela seria a nova líder do povo, criando assim novas responsabilidades para a personagem.

A história começa a mudar quando sua avó de Moana mostra uma caverna secreta, onde se encontravam barcos à vela que seus antepassados criaram, descobrindo assim, que eles eram viajantes.

Moana recebe o coração de Te Fiti, a deusa que cria a vida, que foi roubado pelo semideus, Maui, e que com isto espalhou desolação e destruição na ilha. Resolve então partir para além dos recifes, a fim de encontrar Maui e assim reestruturar a vida e a natureza que vinham se perdendo por causa da maldição. Quando eles se encontram, resolvem começar uma jornada em mar aberto, onde enfrentam terríveis criaturas marinhas, e diversas aventuras pelo mar. Depois Moana retorna à sua ilha, onde tudo volta ao normal.

A história trabalha a ideia de superação, empoderamento feminino e também sobre a liberdade de escolhas, pois Moana e Maui transmitem que a coragem e o desejo de fazer a coisa certa estão dentro deles, e que isso se torna fundamental para resolver qualquer problema.

Na nossa Casa de Jurema podemos fazer um breve comparativo entre Moana e a Cabocla Jurema, pois a nossa Mentora e Protetora espiritual também era filha de um grande guerreiro Caboclo Tupinambá e vem do mar, com a proteção de nossa Mãe Iemanjá. Podemos ainda dizer que a Cabocla Jurema representa a força feminina, a superação, a determinação, a liberdade de escolha e ainda que, como representante indígena trabalha com as forças da natureza e como Moana respeita o mar, a fauna, a flora e protege o meio ambiente.

Salve nossa Mãe Jurema que protege a nossa Escolinha junto com o Pai Geraldo e todos os trabalhadores da nossa Casa.