Ensinamentos da Umbanda

NÃO É COM GANHO MATERIAL QUE SE MEDE SE A VIDA ESTÁ MELHORANDO

” O umbandista cultua o espírito e nele procura desenvolver valores elevados para uma vida equilibrada. A paz, a paciência, o amor, a humildade, a simplicidade, a fé, a conduta correta, entre outros, são cultivados a fim de que nossa alma possa se aproximar cada dia mais dos Orixás e de Olorum.

Há tantos, entretanto, que exercem as diversas práticas umbandísticas na expectativa de observar suas rendas materiais crescerem. Embora nossa religião ajude na abertura e fortalecimento de caminhos, não é este seu objetivo principal.

Não é ganhando dinheiro que você confirma se a Umbanda está te fazendo bem ou não. Os guias se manifestam para cuidarem de nosso espírito, e não nos enriquecerem. Se você aprendeu a ser mais paciente, tolerante, amoroso, humildade o terreiro cumpriu o seu papel.

Lembre-se de que a matéria é passageira, e o espírito imortal. Nada de material levaremos após o desencarne, somente os tesouros da alma. E esta é a intenção maior das entidades. A Umbanda é uma religião, isto é, ela promove a nossa religação com Deus.

Os problemas materiais são realmente importantes. Não digo para serem ignorados. Porém, pergunte-se: por qual motivo você frequenta as giras? Está apenas em busca de uma solução mágica para suas dificuldades financeiras?

O umbandista não está isento de passar por situações desfavoráveis. Ele não possui superpoderes. Como qualquer outra pessoa, pode perder o emprego, ficar doente, encerrar um longo relacionamento. Não existe magia ou firmeza capaz de nos tornar imune a essas experiências, porque eles fazem parte das lições da vida. Esta é a lei.

Nascemos neste planeta para evoluir. Embora não necessariamente precisamos sofrer para isso, quando insistimos no erro a vida balança nossa realidade. E a melhor maneira de superar estas adversidades é compreender o que este desafio deseja lhe ensinar. Dessa maneira, a dor será desnecessária.

Saiba, tudo é energia. Quando mergulhamos nossa consciência na negatividade, os problemas somente se multiplicam. A abertura de caminhos realizada pelas entidades nada mais é do que uma atividade no campo das vibrações. Se almeja a prosperidade material, dedique-se, antes de tudo, à riqueza espiritual. E todas as outras coisas lhe serão acrescentadas.”

Umbanda com Simplicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s